19 junho 2009

A Distância Do Joelho


"Fizeste-me conhecer os caminhos da vida; encher-me-ás de
alegria na tua presença" (Atos 2:28).


"Deus está, até agora, em seu trono e o homem está, até agora, em sua banqueta. Entre os dois existe apenas a distância do joelho." (Charles R. Swindoll)


Aonde temos ido para buscar as bênçãos almejadas? Que caminhos temos percorrido na busca por nossos sonhos? Onde temos esperado encontrar Deus?


Muitas vezes trilhamos o caminho da ambição, crendo que a nossa vitória está ali. Outras vezes nos associamos à desonestidade achando que é o melhor atalho para as grandes conquistas. Até mesmo enveredamos por charcos de lama julgando que "vale tudo" quando o propósito é chegar ao lugar almejado. Como nos enganamos quando assim procedemos! Nada disso nos garante a vitória. Pelo menos, não a vitória que dá prazer, que alegra o coração, que nos leva à felicidade.

Bem-aventurados somos quando confiamos a nossa vida ao Senhor e fazemos de nosso relacionamento com Ele a base de todas as nossas aspirações. Se o nosso desejo é aprender a amar, ninguém melhor do que o nosso Deus para nos ensinar. Ele é amor! Se o nosso desejo é viver abundantemente neste
mundo, sem nos contaminar com as práticas mundanas, quem melhor poderíamos buscar para nos dar essa bênção? Ele é a Vida. Se a nossa alma anseia pelos portos das grandes vitórias, que melhor direção deveríamos seguir?

Ele é o Caminho. E onde está o nosso Deus para que nos aproximemos dEle? Bem próximo, junto a nós, de braços abertos para nos receber. Basta dobrarmos os nossos joelhos. Estaremos com Ele, falando com Ele, ouvindo a Sua voz, sentindo o Seu amor. Apenas um simples dobrar de joelhos, e as bênçãos celestiais serão derramadas sobre a nossa cabeça.

Deus é muito bom! E nós somos Seus filhos! Que alegria maior poderíamos ter?

Paulo Barbosa

Nenhum comentário:

Postar um comentário