20 maio 2009

Valores

“E quando o Filho do homem vier em sua glória, e todos os santos anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória; E todas as naçöes serão reunidas diante dele, e apartará uns dos outros, como o pastor aparta dos bodes as ovelhas; E porá as ovelhas à sua direita, mas os bodes à esquerda. Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo; Porque tive fome, e destes-me de comer; tive sede, e destes-me de beber; era estrangeiro, e hospedastes-me;Estava nu, e vestistes-me; adoeci, e visitastes-me; estive na prisão, e fostes ver-me. Então os justos lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? ou com sede, e te demos de beber?E quando te vimos estrangeiro, e te hospedamos? ou nu, e te vestimos? E quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos ver-te? E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes. Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos; Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber; Sendo estrangeiro, não me recolhestes; estando nu, não me vestistes; e enfermo, e na prisão, não me visitastes.Então eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos? Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim. E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna.”

Mateus 25:31-43

Será que valorizamos o que realmente tem valor?

Meditando nesta passagem e na musica “O ultimo julgamento”. Fiquei me perguntando: Será que valorizo o que realmente tem valor pra Deus?

Comecei a imaginar o “Grande Dia”, em que eu estarei diante de Deus. O dia em que Jesus deixará de ser meu advogado e passará a ser meu juiz.

E se Ele olhar com seus olhos de fogo sobre mim e com sua voz que ecoa como um trovão e me perguntar por que eu mereço entrar no céu. O que eu direi?

Será que fará alguma diferença dizer que me esforcei muito para estudar e ter um diploma universitário? Ou que fui um bom funcionário, que fui promovido várias vezes e que trabalhei muito pra dar sustento a minha família. Será que Ele entenderá que devido aos trabalhos não sobrou tempo para a obra de Deus?

E as minhas vestes? Será que a marca da minha calça Jeans vai causar boa impressão ao Pai? Talvez pela minha dicção, ou se eu conversar com ele em outra língua, espanhol, ou inglês, que é a língua universal. Assim com certeza ele verá que sou inteligente, sábia.

Deus verá que devido ao meu carro novo, minha casa boa, e meu padrão de vida que sou lutador, que sou esforçado e isso deve ter algum mérito. Afinal sou abençoada, então sou salva. Certo?

Não posso esquecer-me de citar as vezes que dei esmolas aos necessitados. Outro dia até dei a um andarilho um pedaço do lanche que eu não aguentei comer. Muitos jogam fora! Que desperdício com tanta gente passando fome.

Será que Deus se importará com isso?

Deus sabe de tudo, Ele vai lembrar-se das vezes que fui à igreja.

Mas e se Ele me comparar com outra pessoa? Aí não vou ter chance dependendo da pessoa com quem Ele me comparar...

Acho que devo pedir perdão. É! Assim Ele verá que sou humilde!

Mas será que VAI DAR TEMPO DE PEDIR PERDÃO?

É hora de refletirmos meu querido amigo. O que estamos valorizando em nossas vidas?

Diante do Pai, não teremos casas, carros, celulares ou computadores. Não falaremos em inglês ou espanhol.

As únicas vestes que irão importar são aquelas lavadas e remidas pelo sangue do cordeiro Santo de Deus. As vestes de louvor... Desta terra nada levaremos.

E o que realmente importa pra Deus, estamos realmente valorizando?

Sinceramente, será que eu amo a Deus acima de todas as coisas, e a meu próximo como a mim mesmo?

Será que cumpro o “ide” de Deus?

E se Deus perguntar: “Se Eu fui tão importante na sua vida, por que vc não dividiu com os outros? Por que não levou o Meu amor aos carentes de Deus?

O que direi?

Amigos, este dia chegará, e não tardará, nós não sabemos o dia de amanhã. Não sabemos quanto tempo viveremos.

Pra você que diz que não acretida em Deus e no Seu julgamento, digo apenas isto. Se nós Cristão estivermos errado (e não estamos), não temos nada a perder, por que vivemos uma vida baseada no amor. Mas se vocês ateus estiverem errado, será tarde demais para corrigir e voltar atrás. Não espere estar diante de Deus para ver que até agora tens vivido uma vida de enganação. 

Amados, vamos rever nossas atitudes hoje. Por que se deixamos pra depois pode ser tarde.

Que Deus os abençoe.

Dilze Duarte 

Nenhum comentário:

Postar um comentário