18 outubro 2009

Não Poras Tropeço diante do cego

"Não amaldiçoarás ao surdo, nem porás tropeço diante do cego; mas terás temor do teu Deus. Eu sou o SENHOR". (LEVÍTICO 19:14)


Existem pessoas que por mais que você fale, ela não dá ouvidos. E parece que quanto mais você fala, menos ela ouve. Nesta hora, é fácil irritar-se e perder a paciência. Mas o Senhor diz: não amaldiçoarás ao surdo. Da mesma forma, existem pessoas que estão completamente cegas. Não conseguem enxergar a besteira que estão fazendo em suas próprias vidas, e na vida dos seus familiares. No entanto, o Senhor diz: Não porás tropeço diante do cego. Ora, quem é de Deus, não concorda com o inimigo, pois dele provém o ódio, a ira, a maldição, e o tropeço. Já de Deus vem o amor, e este é benigno, não se vangloria, não busca os próprios interesses, não se irrita, nem se regozija com a injustiça.

Teme a Deus, obedeça a sua palavra, e estarás seguro. Fale a quem precise ouvir, mostre o caminho a quem não vê, e ore para que Deus dê vista ao cego, e audição ao surdo. O que passar disso, não provém de Deus.

Que Deus te abençoe!


Anderson M. Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário