12 novembro 2008

Calma Na Hora Do Medo

"O que fugir do temor cairá na cova, e o que sair da cova
ficará preso no laço" (Jeremias 48:44).



Quando o navio atracou em uma cidade do sudoeste americano,
um marinheiro recebeu autorização para sair e conhecer a
cidade. Seu primeiro passeio foi a um famoso parque, repleto
de árvores e flores tropicais. Enquanto caminhava sob o sol
em uma área coberta de grama, notou abelhas voando ao seu
redor. De repente, todas as abelhas começaram a pousar nele.
Elas estavam por toda parte -- em suas roupas, suas mãos e
seu rosto. Ele foi tomado de pânico e pensou em sair
correndo. Mas, apesar do grande medo, ele resolveu ficar o
mais quieto possível. Haviam centenas, talvez milhares de
abelhas em todo o seu corpo. Ele não ousava sequer respirar.
"Olhe só para aquele marinheiro", ele ouviu uma mulher falar
a uma certa distância. Depois de algum tempo que parecia ser
uma eternidade para aquele homem, lentamente as abelhas
começaram a voar novamente até que todas se foram. Seu
uniforme estava completamente molhado pela transpiração mas
ele não sofreu uma picada sequer. Às vezes é melhor ficar
parado e quieto no meio do perigo do que correr em meio ao
pânico e ao medo e provocar consequências que poderiam ser
evitadas.


O que fazemos quando as coisas para nós vão de mal a pior?
Perdemos a tranquilidade e começamos a correr para todos os
lugares que nos indicam ou, apesar do temor do insucesso,
continuamos confiando nas promessas de Deus para nossas
vidas? Ele não disse que a casa dos filhos de Deus não seria
atingida pelos ventos e tempestades, mas garantiu que ela
ficaria de pé. Ele não disse que viveríamos em nuvens de
paz, pelo contrário, disse que teríamos aflições neste
mundo. Mas prometeu que estaria conosco todos os dias e que
deveríamos ter bom ânimo.


Você se enche de medo quando as lutas chegam? Tenha fé,
espere com calma e elas logo desaparecerão.


Paulo Roberto Barbosa. Um cego na Internet!

Um comentário:

  1. não devemos ter medo dos problemas, porque nosso Deus pode tudo!

    Felicidades...

    ResponderExcluir