29 outubro 2008

Olha pra mim - Toque no altar




Eu me humilharei
Teu nome gritarei
Como criança eu serei
Mas, olha pra mim

Tuas vestes tocarei
Na figueira subirei
Aos teus pés eu chorarei
Mas, olha pra mim

Olha pra mim
Olha pra mim
Olha pra mim
Pois eu preciso do teu olhar

Eu farei o que for preciso
Para te ver
Pois não posso deixar que sigas
Sem me perceber

Não importa a multidão
Só eu sei do que eu preciso
E eu preciso do teu olhar
Do teu olhar, do teu olhar

Nenhum comentário:

Postar um comentário