28 janeiro 2008

Devocional - Lucas 19:37-40

Lucas19:37 - 40
37. Quando já ia chegando à descida do Monte das Oliveiras, toda a multidão dos discípulos, regozijando-se, começou a louvar a Deus em alta voz, por todos os milagres que tinha visto,

38. dizendo: Bendito o Rei que vem em nome do Senhor; paz no céu, e glória nas alturas.
39. Nisso, disseram-lhe alguns dos fariseus dentre a multidão: Mestre, repreende os teus discípulos.
40. Ao que ele respondeu: Digo-vos que, se estes se calarem, as pedras clamarão.

Páro para analisar sobre os versículos acima, e penso: Estamos louvando a Deus da maneira que Ele merece, ou o Senhor está esperando mais das pedras do que de nós?!

Acho que falo por todos quando digo em que há momentos em que simplesmente não conseguimos orar, o pecado parece nos ter sufocado e tirado Deus de perto de nós, e com isso, nossa intimidade com o Pai acaba virando lembrança.
Todos amamos aqueles momentos de oração em particular onde há lágrimas ao chão e sorriso de unção perante a presença do Senhor, e não ter mais esses momentos muitas vezes nos deixam frustrados e sem vontade de perseverar para com Deus.

Não podemos nos deixar envolver com tamanha frieza, não podemos deixar o pecado nos invadir e fazer morada em nossos corações. Não pense da maneira: "Sou um pecador lutando para ser Santo", pense: "Sou um santo lutando contra o pecado".
Se ao orar sozinho, você sente que não consegue quebrar as barreiras, chame alguém para orar com você, e com certeza a unção do Senhor será contigo.

Graça e Paz a Todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário